A emissão de nota fiscal eletrônica é um processo obrigatório para as operações de circulação de mercadorias (NF-e) e de prestação de serviços (NFS-e). Ela permite o registro fiscal da venda ou da prestação de serviço, sendo esta um comprovante dessas operações.

Criada devido às transformações digitais, a nota fiscal eletrônica facilita o processo de tributação, o qual agora é feito eletronicamente, sem burocracia, com a garantia de uma assinatura digital, conferindo velocidade e segurança a empresa.

Para a emissão das notas fiscais eletrônicas existem diversas plataformas/softwares, tanto pagos como gratuitos, que irão proporcionar ainda mais benefícios durante o processo de emissão da nota fiscal.

Neste artigo, falaremos sobre os principais benefícios que a emissão da NF-e traz para o seu negócio:

  1. Regularização com o Fisco e Imagem profissional;
  2. Otimização de processos;
  3. Diminuição de erros;
  4. Aumento da produtividade;
  5. Simplificação das obrigações acessórias;
  6. Maior controle financeiro.

1. Regularização com o Fisco e Imagem profissional

A emissão de nota fiscal eletrônica é um processo obrigatório para todas as trocas comerciais de produtos e serviços. Ao emitir nota fiscal eletrônica você encontra-se regulamentado com o Fisco e evita problemas com a legislação, já que ao emitir NF-e cumpre-se com a lei.

Estar regulamentado gera um aumento na confiabilidade do seu negócio, melhorando o processo de controle fiscal com um melhor intercâmbio e compartilhamento de informações com o Fisco. Além disso, estar regulamentado reflete na imagem da sua empresa de forma positiva aos olhos de clientes e fornecedores.

Sendo assim, ao cumprir com as obrigatoriedades da lei você verifica a validade da assinatura digital e a autenticidade do arquivo digital através da emissão da NF-e.

2. Otimização de Processos

Quanto tempo você levaria para produzir todos os documentos fiscais manualmente? Provavelmente, muitas e muitas horas – as quais refletem diretamente na dificuldade de otimizar processos.

Ao emitir a nota fiscal eletrônica, somos capazes de reduzir ou eliminar o desperdício de tempo e recursos, gastos desnecessários, gargalos e erros, atingindo o objetivo do processo.

Será necessário o uso de um software para a emissão notas fiscais e, principalmente, automação deste processo. Mesmo realizando a emissão através do site da prefeitura da sua cidade, este ainda é um processo manual e repetitivo. Algumas plataformas oferecidas para o governo não apresentam suporte necessário para a emissão de um grande número de notas.

Portanto, utilizar um sistema próprio para emissão de notas vai garantir rapidez e organização na emissão de uma grande quantidade destes documentos.

3. Diminuição de Erros na emissão

Como já mencionamos anteriormente, a diminuição das falhas em todo o processo de emissão de nota fiscal eletrônica é notável. Principalmente, quando você utiliza um sistema apropriado, que dá a capacidade para a emissão de notas fiscais em larga escala de maneira automática.

Primeiramente, elimina-se a possibilidade de incorreções no preenchimento. Com um sistema próprio para emissão de NF-e o preenchimento é automático! Logo, o processamento de dados é muito mais eficiente e, caso seja necessário realizar um rastreio, a dificuldade na busca é mínima.

Além disso, possíveis erros cometidos na NF-e podem ser imediatamente corrigidos. Como os dados estão em um meio digital, não é necessário que sejam digitados novamente pelo contador no repasse das informações ao fisco, diminuindo a probabilidade de ocorrer divergências nas informações.

4. Aumento da Produtividade

A produtividade nada mais é do que fazer mais, oferecendo um resultado maior – ou melhor – gastando menos recursos. Portanto, podemos considerar ser produtivo quando usamos menos horas trabalhadas para entregar um volume específico de um determinado trabalho. Este conceito, na prática, é extremamente essencial para a sua empresa.

Então, emitir NF-e com um plataforma apropriada vai aumentar muito a sua produtividade. Dessa forma, o tempo que seria dedicado para essas atividades pode ser redirecionado para outras áreas que o negócio demande.

Por exemplo, otimizar as rotinas do estabelecimento, dedicar tempo para o planejamento estratégico, etc. Além disso, a motivação dos colaboradores tendem a aumentar quando tarefas burocráticas são eliminadas. Logo, ao mesmo tempo que você aumenta a produtividade dos funcionários da sua empresa, você também pode aumentar a motivação deles!

5. Simplificação das Obrigações Acessórias

As obrigações acessórias são deveres instrumentais, como escriturar livros, prestar informações, expedir notas fiscais, fazer declarações, promover levantamentos físicos, econômicos ou financeiros, manter dados e documentos à disposição das autoridades administrativas, aceitar a fiscalização periódica de suas atividades, tudo com o objetivo de propiciar ao ente que tributa a verificação do adequado cumprimento da obrigação tributária (Carvalho, 2009)¹.

Então, ao realizar o processo de emissão de NF-e você está simplificando as obrigações acessórias e permitindo, ao mesmo tempo, o acompanhamento em tempo real das operações comerciais pelo Fisco.

Os prestadores de serviço (NFS-e ou Nota Fiscal de Serviço), por exemplo, contam com a desburocratização do processo de emissão da NF-e, o que reflete na dispensa da Autorização para Impressão de Documentos Fiscais — AIDF. Processo este um tanto quanto burocrático.

6. Maior controle financeiro da empresa

Cada receita ou despesa está associada a uma Nota Fiscal (ou seu respectivo documento fiscal) permitindo um maior controle financeiro.

Através da plataforma de NF-e/NFS-e disponibilizada pelo Governo, é possível visualizar este controle financeiro mais consistente do seu negócio. No painel de controle, você poderá verificar:

  • faturamento total;
  • pagamentos diários;
  • projeções de impostos que terá de pagar no final do período.

Também é possível conceder acesso ao contador, disponibilizando todos os dados registrados imediatamente e, com isso, agilizando o trabalho contábil. Porém, ainda assim, esta é uma plataforma que demanda um trabalho manual denso e repetitivo. Mesmo que a plataforma disponibilizada pelo Governo seja boa para o controle financeiro da empresa, um software integrado pago será muito melhor.

Importância das plataformas financeiras integradas com emissão de nota fiscal eletrônica

Softwares integrados nos permitem ter mais consistência, gerar relatórios financeiros, e também contar com um suporte ágil e eficiente. Além de proporcionar maior facilidade de emissão em larga escala, registro de informações e acesso à estas informações.

Os gerenciadores financeiros permitem acompanhar o fluxo de caixa e visualizar as despesas, trazendo mais segurança e confiabilidade nas informações. Além disso, ajudam a não perder tempo na emissão de NF-e, mantendo um histórico confiável e armazenando seus arquivos de forma muito mais segura.

Portanto, uma plataforma que une a gestão de faturamento, emissão da nota fiscal e boletos bancários é essencial para maximizar os rendimentos da sua empresa.


Apesar de um tanto burocrático, com a ajuda de um software, você pode descomplicar e muito o seu processo de emissão de NF. Estes são alguns dos benefícios que a implementação da nota fiscal eletrônica (NFS-e ou NF-e) trará ao seu negócio – e, acreditem, fazem toda a diferença!

O que você achou desse artigo? Deixe seu comentário!

Aproveite e confira as novas regras do boleto bancário.


¹ CARVALHO, P. B. Curso de direito tributário. 21. ed. São Paulo: Saraiva, 2009

Escreva um comentário

Share This