Categories: Faturamento

Pagamento por boleto e cartão de crédito: tarifas e vantagens

A facilidade no pagamento é um fator determinante para que o cliente saia de um estabelecimento com a compra realizada. Afinal, quem nunca se sentiu estimulado a comprar quando viu a possibilidade de dividir a compra em dez vezes no cartão de crédito ou boleto?

Oferecer diferentes métodos de pagamento é essencial para que uma empresa aumente as vendas. Mas é preciso ter cautela, pois cada modalidade ofertada tem seus custos e só se torna vantajosa quando as tarifas e taxas não afetam os ganhos.

No post de hoje, vamos falar exatamente sobre as tarifas do cartão de crédito e do boleto — as modalidades de pagamento mais comuns atualmente.

Pagamento por boleto e cartão de crédito: vantagens para empresa e cliente

Manter sua empresa em harmonia com as tendências do mercado é essencial para não perder oportunidades de negócio. Nessa linha de pensamento, entenda a importância de permitir que seus clientes paguem via boleto ou cartão de crédito.

Vantagens do pagamento via boleto

  • Para a empresa
    • Baixo custo (tarifa fixa por boleto de R$2,00 a R$5,00);
    • Facilidade para cobrança de valores grandes e pequenos;
    • Demonstra profissionalismo;
    • Redução de atrasos e inadimplência (comparado a transferência e depósito);
    • Recebimento rápido (não precisa esperar 30 dias para pagamento cair em conta);
  • Para o cliente
    • Confiabilidade na cobrança;
    • Facilidade para pagar online ou presencialmente (lotérica, banco, etc);

Vantagens no pagamento via cartão de crédito

  • Para a empresa
    • Aumento das vendas (tá sem dinheiro? sem problema, passa no cartão!);
    • Redução de atrasos e da inadimplência (comparado a transferência, depósito e boleto);
    • Redução do índice de desistências (pagamento ‘aqui e agora’);
    • Permite parcelamento (fácil);
    • Agilidade no pagamento;
  • Para o cliente
    • Facilidade para pagar online ou presencialmente;
    • Prazo para pagamento (principalmente quando há parcelamento);

Tarifas e custos do pagamento por boleto e cartão de crédito

Cada meio de pagamento tem custos e tarifas específicos. É importante saber qual o melhor formato para seu negócio e buscar o equilíbrio entre conveniência e impacto no faturamento.

Cartão de crédito

Conveniência para o cliente e custos para a empresa. O pagamento via cartão de crédito facilita bastante o pagamento e isso resulta em mais vendas concluídas. Os principais custos são:

  • Aquisição da máquina — em alguns casos é necessário comprar ou alugar uma máquina para processamento das transações;
  • Custo para uso – mensal fixo ou percentual das vendas efetuadas;
    • Vendas no débito: menores tarifas e recebimento mais rápido;
    • Vendas no crédito: tarifas médias e recebimento em até 30 dias;
    • Vendas no crédito parcelado: maiores tarifas e recebimento mais demorado;
    • Antecipação de recebíveis: é possível antecipar o recebimento de um pagamento ao custo de uma tarifa mais alta. Quanto mais rápido, maior a tarifa.

Há ainda a possibilidade de permitir o pagamento online via cartão de crédito, assim como é feito em e-commerces. Nesse formato há apenas uma tarifa de, em média, 2~4% por transação. Não há custos de aquisição de máquina ou mensalidades.

Boleto bancário

O boleto bancário, sem dúvida, pesa menos no bolso do empresário. Cada banco tem uma política própria da cobrança pela emissão dos boletos. Em geral, as carteiras de cobrança — serviço associado às contas de pessoa jurídica — já incluem uma quantidade mensal de emissões no pacote da conta. Passado o limite desse pacote, cada emissão é cobrada individualmente.

  • Custo de emissão (pago na liquidação* ou baixa** do boleto) – em média de R$ 2,00 a R$ 5,00;
  • Custo para protestar – em média de R$ 10,00 por boleto;
  • Alterações – comumente gratuito. Quando tarifado, média de R$ 2,00 a R$ 5,00 por alteração;
  • Custos de manutenção por títulos vencidos – em média, de R$2,00 a R$5,00.

*liquidação = quando o boleto é quitado.
**baixa = quando o boleto é cancelado.

Cada uma dessas taxas deve ser considerada de acordo com o perfil de vendas da sua empresa. É preciso ter ciência de que todos esses custos terão um impacto no seu faturamento e isso deve ser minimizado na medida do possível.

Para reduzir esses custos basta que você dedique um pouco de tempo para isso.

1. Negocie com seu banco, e com outros também, afim de conseguir melhores condições;
2. Contrate o serviço adequado às suas demandas;
3. Avalie bem o meio de pagamento mais adequado para seu negócio e use-o sempre que possível;
4. Estimule o parcelamento em poucas vezes;

Soluções de tecnologia e consultoria, com foco em otimização na gestão de pagamentos, poderão ajudar imensamente sua empresa. Dê uma atenção especial a isso e desfrute de resultados muito além da redução de custos com tarifas.

E então, você já sabe qual modelo é mais adequado para o seu negócio? Compartilhe conosco!

Se gostou deste artigo e quer seguir se informando sobre o tema, assine a nossa newsletter e receba os conteúdos mais relevantes sobre o assunto!

Posts Recentes

Gestão Financeira: guia completo com dicas aplicáveis para PME’sGestão Financeira: guia completo com dicas aplicáveis para PME’s

Gestão Financeira: guia completo com dicas aplicáveis para PME’s

O que é gestão financeira e qual sua função dentro de um empreendimento? Em síntese, o papel da gestão financeira…

outubro 2, 2019
Como resolver os problemas da cobrança manual?Como resolver os problemas da cobrança manual?

Como resolver os problemas da cobrança manual?

Dependendo do seu número de clientes, a cobrança manual pode atender bem às suas necessidades. Porém, com o crescimento do…

julho 22, 2019
8 motivos para automatizar cobranças na sua empresa!8 motivos para automatizar cobranças na sua empresa!

8 motivos para automatizar cobranças na sua empresa!

Ter um Gestão de Cobranças eficiente é um desafio. Dada a complexidade de um processo manual, automatizar cobranças surge como…

julho 12, 2019
Como gerar boletos bancários? Aprenda aqui!Como gerar boletos bancários? Aprenda aqui!

Como gerar boletos bancários? Aprenda aqui!

Não tem como negar: o Brasil é o país do boleto bancário. Criado em 1993 para mais segurança às rotinas…

junho 13, 2019
Descubra o que é a régua de cobrança!Descubra o que é a régua de cobrança!

Descubra o que é a régua de cobrança!

A régua de cobrança é uma ferramenta de gestão financeira essencial para garantir um bom faturamento e, consequentemente, a redução…

Maio 15, 2019
Como captar associados e financiar uma associação?Como captar associados e financiar uma associação?

Como captar associados e financiar uma associação?

Costumamos dizer que criar é bem mais simples do que financiar uma associação. Após o desafio inicial da sensibilização de…

Maio 2, 2019
Share This